Mais um a meu favor #226: família amarela, sob medida e equilibrar um prato
RPNV 2016 #10: quem foi ou não eleito?
AMQCM #54: Hardwired… To Self Destruct (2016), por Metallica | Álbuns
NNL Indica #3: dicas para acompanhar tudo sobre Chespirito e Dragon Ball Super no Brasil
Eventos massa™ #2: Brasil Game Show 2016 | NNL em eventos
O pior porre da minha vida | Casos Pessoais
Janela de dicas #25: como remover o Warsaw completamente do seu Windows | Macetes
Nos Fragmentos do HD #15: os 10 anos do AE KASINÃO
Avulsos #4: Tanglewood para Sega Genesis / Mega Drive | NNL Games
Crunchyroll: saiba como ter acesso Premium+ por 48 horas

Janela de dicas #25: como remover o Warsaw completamente do seu Windows | Macetes

#711

Fala, pessoas. Antes de começar mais esta dica para Windows, temos uma informação importante: o Janela de dicas agora passará a ser veiculado às quintas, no horário de sempre, 20h. Para quem é novo no NNL, pode conferir a programação de postagens do blog disponível ao lado.

Dados os recados, vamos ao que interessa. Está cada vez mais comum pagarmos contas, fazermos transferências, gerenciarmos nosso dinheiro depositado nos bancos via internet, seja no smartphone, seja no computador. Enfrentar filas em agências já não é mais uma obrigação.

No casos do PC, para acessarmos nossas contas, precisamos de softwares / plug-ins adicionais para garantir a seguranças das transações via navegador. Porém, estes podem se tornar uma dor de cabeça, seja por terem brechas de segurança, seja por afetarem negativamente o desempenho do computador.

O caso específico é do Warsaw, da Gas Tecnologia, que está por trás de soluções de seguranças de grandes bancos como Itaú e Banco do Brasil. Este plug-in pode ser bem incômodo, pois ele pode ser instalado sem o consentimento do usuário, afeta o desempenho do SO com picos de uso de processador e, mesmo com a desinstalação, ele não some da máquina tão facilmente.

O tutorial abaixo é para mostrar como remover totalmente o Warsaw do seu Windows 10, por exemplo. Execute todo o procedimento como Administrador do Sistema e com todo o cuidado possível. Mãos à obra.

  1. Acesse as Configurações do Windows clicando no ícone da Central de Ações e depois em ‘Todas as Configurações’. Ou use a combinação de teclas ‘Windows’ + ‘I’.
    Acessando as Configurações do Windows 10.

    Acessando as Configurações do Windows 10.

  2. Digite na barra de pesquisa ‘Aplicativos e Recursos’ e acesse a opção. Ou, vá em ‘Sistema’ > ‘Aplicativos e Recursos’.
    Acessando a opção Aplicativos e Recursos.

    Acessando a opção Aplicativos e Recursos.

  3. Encontre o aplicativo ‘Warsaw’ e clique em ‘Desinstalar’. Proceda com a desinstalação normalmente do cliente de segurança do seu banco.
    Desinstalando o Warsaw.

    Desinstalando o Warsaw.

  4. Confira se o ‘G-Buster’ (‘Warsaw’) continua em execução pelo ‘Gerenciador de Tarefas’ (atalho ‘Ctrl’ + ‘Shift’ + ‘Esc’). Forçar o encerramento dos processos não os encerrarão.
    Warsaw (G-Buster) ainda em execução.

    Warsaw (G-Buster) ainda em execução.

  5. Vá na barra de pesquisa da Cortana e digite ‘msconfig’ para acessar as ‘Configurações do Sistema’. Ou use a combinação de teclas ‘Windows’ + ‘R’ para fazer o procedimento.
    Acessando o 'msconfig' (Configurações do Sistema).

    Acessando o ‘msconfig’ (Configurações do Sistema).

  6. Na aba ‘Inicialização do Sistema’, marque a opção ‘Inicialização segura’ para ativar o ‘Modo de Segurança’ do Windows.
    Ativando a Inicialização segura.

    Ativando a Inicialização segura.

  7. Na aba ‘Serviços’, marque a opção ‘Ocultar todos os serviços Microsoft’, para não desativar nada importante do SO. Depois, clique em ‘Desativar tudo’.
    Desativando todos os serviços (exceto os da Microsoft).

    Desativando todos os serviços (exceto os da Microsoft).

  8. Clique em ‘Aplicar’ e depois em OK’.
    Aplicando as mudanças para iniciar o Modo de Segurança.

    Aplicando as mudanças para iniciar o Modo de Segurança.

  9. Na janela de aviso sobre as mudanças efetuadas, clique em ‘Reiniciar’ para reinicializar o SO no ‘Modo de Segurança’.
    Reiniciando o SO no Modo de Segurança.

    Reiniciando o SO no Modo de Segurança.

  10. Faça login na sua Conta Microsoft ou Conta Local usada para acessar o Windows 10 como Administrador.
    Acessando o Windows 10 no Modo de Segurança.

    Acessando o Windows 10 no Modo de Segurança.

  11. Abra o ‘Explorador de Arquivos’ e navegue para ‘C:\Arquivos de Programas (x86)’ (64 bits) – ou ‘C:\Arquivos de Programas (32 bits)’. Encontre ‘GpPlugin’ e exclua a pasta. Caso dê algum erro, renomeie a pasta e repita o procedimento de exclusão.
  12. Confira se o G-Buster (Warsaw) continua em execução pelo ‘Gerenciador de Tarefas’ (atalho ‘Ctrl’ + ‘Shift’ + ‘Esc’). Se tudo der certo, nenhum processo ‘G-Buster’ deve ser encontrado.

    Warsaw (G-Buster) eliminado do SO.

    Warsaw (G-Buster) eliminado do SO.

  13. Para sair do ‘Modo de Segurança’, use a combinação de teclas ‘Windows’ + ‘R’. Digite ‘msconfig’ (‘Configurações do Sistema’) e clique em ‘Executar’.
    Acessando as Configurações do Sistema, para sair do Modo de Segurança.

    Acessando as Configurações do Sistema, para sair do Modo de Segurança.

  14. Na aba ‘Inicialização do Sistema’, desmarque a opção ‘Inicialização segura’ para desativar o ‘Modo de Segurança’ do Windows.
    Desativando a Inicialização segura.

    Desativando a Inicialização segura.

  15. Na aba ‘Serviços’, clique em ‘Ativar tudo’ para reativar todos os serviços.
    Reativando todos os serviços do SO.

    Reativando todos os serviços do SO.

  16. Clique em ‘Aplicar’ e depois em OK’.
    Aplicando as mudanças para encerrar o Modo de Segurança.

    Aplicando as mudanças para encerrar o Modo de Segurança.

  17. Na janela de aviso sobre as mudanças efetuadas, clique em ‘Reiniciar’ para reinicializar o SO com o ‘Modo de Segurança’ desativado.
    Reiniciando o SO com o Modo de Segurança desativado.

    Reiniciando o SO com o Modo de Segurança desativado.

Seguindo todo o processo de remoção do Warsaw, seu Windows não deve ter mais nenhum vestígio do plug-in de segurança. Caso fique algo no Registro do Windows, basta acessar o ‘Editor de Registro’ e remover todas as chaves referentes ao software da Gas Tecnologia.

Dicas de segurança: use sempre os apps oficiais dos bancos para fazer o gerenciamento de contas, inclusive em seu computador, se disponíveis. Se ainda assim for necessário o acesso ao Internet Banking via navegador, use o ‘Modo anônimo’ do browser de sua preferência. Para minimizar dores de cabeça, crie uma máquina virtual com Windows ou Linux para o caso da instalação dos plug-ins de segurança exigidos pelo seu banco.

Se curtiu esta dica, comente e compartilhe nas redes sociais. Confira outras dicas clicando em um dos posts ou vasculhando o arquivo do NNL. Voltaremos em uma quinta, às 20h. Nos vemos em breve.

Por: Not Now Lucas

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.
  • Luciene Mendes

    Funcionou pra mim, mas tive que desinstalar pelo painel de controle pq do modo ensinado a desinstalação ficava parada. A pasta warsaw estava dentro da pasta diebold no arquivo de programas.

    • notnowlucas

      Interessante saber que, de certa forma, o tutorial ajudou. Pelo que entendi, eles podem ter mudado a localização / nome da pasta em atualizações recentes.
      É muito desagradável ter de recorrer a métodos como o da inicialização em modo de segurança e acessar o registro do Windows para nos livrarmos destas pragas.