[Séries] Sonic CD (Extra) #2 : Pulando errado pelo tempo | NNL Games
RPNV 2016 #10: quem foi ou não eleito?
AMQCM #54: Hardwired… To Self Destruct (2016), por Metallica | Álbuns
NNL Indica #3: dicas para acompanhar tudo sobre Chespirito e Dragon Ball Super no Brasil
Eventos massa™ #2: Brasil Game Show 2016 | NNL em eventos
O pior porre da minha vida | Casos Pessoais
Janela de dicas #25: como remover o Warsaw completamente do seu Windows | Macetes
Nos Fragmentos do HD #15: os 10 anos do AE KASINÃO
Avulsos #4: Tanglewood para Sega Genesis / Mega Drive | NNL Games
Crunchyroll: saiba como ter acesso Premium+ por 48 horas

Nos Fragmentos do HD #14: Faustão, Diego Hypolito e COB

#678
Imagem #1 - Faustão Brabo

Está viva! A coluna que dá aquela verificada no HD da TV Brasileira está de volta, para sua edição #14. Desta vez, com algo inédito: vamos falar de um fato ocorrido há três semanas atrás: a treta entre Faustão e o COB (Comitê Olímpico Brasileiro), por conta da não participação de Diego Hypolito no O Domingão do Faustão. Aber.

Diego Hipólito no Faustão: a desistência em cima da hora e a reação

O Domingão do Faustão dispensa comentários: está há quase 30 anos no ar nas tardes/noites de domingo da Rede Globo, apresentado sempre por Fausto Silva, o Faustão. Um dos quadros mais recentes do programa vem fazendo sucesso: é o Ding Dong, quadro musical que reúne duas equipes convidadas a tocar campainhas e tentar adivinhar a música, tendo o diferencial de trazer o artista ou banda intérprete, que toca esta e outras músicas de seu respectivo portfólio.

Foi justamente o Ding Dong o responsável indireto de toda a confusão, na edição veiculada no dia 17/07/2016: Diego – que também receberia uma homenagem do programa – e sua irmã, Daniele Hypolito, ambos ginastas, participariam do quadro musical. Porém, momentos antes de entrar no palco, ele recebeu uma ligação. Segundo a produtora do Domingão, Diego afirmou que não poderia entrar no ar, sob ameaça de não disputar as Olimpíadas Rio 2016. Nervoso, teve de ser atendido pelos bombeiros que ficam de plantão nos bastidores do programa.

Imagem 2 - Diego iria participar do Domingão, mas foi impedido minutos antes de entrar no palco.Foto: Ricardo Bufolin / CBG.

Diego iria participar do Domingão, mas foi impedido minutos antes de entrar no palco.
Foto: Ricardo Bufolin / CBG.

Daniele Hypolito, que participou normalmente do Ding Dong com Caio Ribeiro, ex-jogador e comentarista de futebol da Globo, tentou botar panos quentes: “Ele não veio por causa de compromissos com a seleção”. Porém Faustão, visivelmente irritado com a história, desabafou no ar, dirigindo suas críticas ao COB pedindo explicações do presidente da entidade Carlos Arthur Nuzman. Ainda em seu desabafo, o apresentador insinuou que a não presença de Diego se deu por conta do afastamento do treinador da seleção brasileira de ginástica artística Fernando de Carvalho Lopes, acusado de abusar um ginasta menor de idade, ocorrido dois dias antes (15/07/2016).

Confira o desabafo de Faustão abaixo:

Na verdade, o Diego não deve ter vindo porque teve problema com o treinador dele, o Fernando Carvalho, acusado de abuso sexual. Mas a gente esperava ele aqui. […]O fato de o treinador ter sido afastado por causa de uma suspeita não tem nada a ver com ele. Aí o dirigente, que deve ser um imbecil, liga para ele antes de entrar no ar e fala manda ele não participar. Ficou o Diego chorando, porque era a chance que ele tinha de receber uma homenagem. Porque a gente sabe que as condições de atletas no Brasil são ótimas, não é? Igual Alemanha, Estados Unidos. Uma decisão imbecil, que só dirigente brasileiro toma uma atitude imbecil assim. A sociedade brasileira espera uma posição de Carlos Arthur Nuzman, que não deve aparecer.

A explicação de Diego e do COB sobre o ocorrido

Após a desistência suspeita de Diego, Faustão pediu para a Globo entrar em contato com o COB para obter uma posição oficial do comitê organizador local das Olimpíadas Rio 2016. A resposta veio através de um comunicado enviado por Nuzman, lido pelo apresentador do Domingão por volta das 20h25. Nele, a explicação oficial é de que o atual treinador de Diego, Marcus Goto, foi o responsável pela decisão.

A decisão do técnico Marcos Goto foi para evitar de tirá-lo do foco às vésperas do jogo. Ele não pediu autorização ao seu técnico para participar. A decisão não foi de Carlos Arthur Nuzman que está confiante com o sucesso dos atletas brasileiros nas competições.

Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB, dá a sua versão no caso Diego Hypolito.

Carlos Arthur Nuzman, presidente do COB, dá a sua versão no caso Diego Hypolito.

Momentos mais tarde, a assessoria de imprensa do COB emitiu uma nota explicando melhor a situação. O texto emitido reitera a blindagem de Marcus Goto a todos os atletas da Confederação Brasileira de Ginástica comandados por ele e participantes das Olimpíadas Rio 2016, além de afirmar que Diego não pediu autorização ao treinador para poder participar do O Domingão do Faustão.

Foi uma decisão do técnico do atleta na seleção brasileira da Confederação Brasileira de Ginástica, Marcos Goto, com a intenção de evitar tirá-lo do foco às vésperas dos Jogos Olímpicos. Vale ressaltar que o atleta não pediu autorização ao seu treinador para participar do programa. Por fim, esclarecemos que o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, foi ofendido injustamente, sem que tivesse qualquer participação no fato, uma vez que em nenhum momento foi consultado ou participou dessa decisão.

Em suas redes sociais, Diego deu a sua versão sobre a proibição de última hora. Segundo a publicação em seu Instagram, o foco é o treinamento para disputar as Olimpíadas no Brasil. O atleta aproveitou para isentar o COB e seu presidente Nuzman de qualquer responsabilidade no episódio, além de afirmar sua admiração por Faustão. Horas depois, resolveu apagar o post, porém seus seguidores repassaram o texto pelas redes sociais.

Pessoal, sobre a minha não participação no programa do Faustão, que estava agendada para hoje, gostaria de deixar claro uma coisa: meu foco hoje é o meu treinamento, meu objetivo é representar bem o meu país, que eu tanto amo. Admiro muito o programa do Fausto, que sempre me tratou com o maior carinho, mas preciso esclarecer que o presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, nada tem a ver com essa minha não participação no programa. Escrevo isso da minha conta pessoal do Instagram, para afirmar que sempre tive e tenho uma excelente relação com o COB, que vem me dando, junto com a CBG, as melhores condições de treinamento.

Comentários finais

Por ser uma das emissoras oficiais das Olimpíadas Rio 2016, a Rede Globo tem o dever de mostrar os atletas brasileiros em sua programação, em todos os programas possíveis, esportivos ou não. A participação de Diego Hypolito no Domingão do Faustão estava garantida e anunciada, tanto que este já se encontrava nos estúdios do programa em São Paulo para participar. A história da proibição foi muito mal contada, embora as explicações tenham dado parte da explicação real. Faustão teve todo o direito de ficar bravo com a desistência inesperada e forçada, mas como há forças maiores envolvendo a organização, isto pode ter estremecido a relação entre o COB e a emissora, criando uma grande saia justa.

Espero que tenham gostando deste Nos Fragmentos do HD. Não esqueça de compartilhar o post entre seus amigos nas redes sociais e de conferir os outros posts da coluna, enquanto não sai alguma novidade. Aguardamos vocês em mais uma desfragmentação. Até breve.

Por: Not Now Lucas

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.