Um canguru doido de pedra – Crash 1 (NST) #2 | Séries
RPNV 2016 #10: quem foi ou não eleito?
AMQCM #54: Hardwired… To Self Destruct (2016), por Metallica | Álbuns
NNL Indica #3: dicas para acompanhar tudo sobre Chespirito e Dragon Ball Super no Brasil
Eventos massa™ #2: Brasil Game Show 2016 | NNL em eventos
O pior porre da minha vida | Casos Pessoais
Janela de dicas #25: como remover o Warsaw completamente do seu Windows | Macetes
Nos Fragmentos do HD #15: os 10 anos do AE KASINÃO
Avulsos #4: Tanglewood para Sega Genesis / Mega Drive | NNL Games
Crunchyroll: saiba como ter acesso Premium+ por 48 horas

Vivo, abaixo-assinados e redução de velocidade

#619
#1001101011 (binário)
#26B (hexadecimal)
#1153 (octal)
Imagem 1- Vivo Logo

Quem conhece a Vivo (pelo menos esta que está sob o comando da Telefónica) sabe o quanto os serviços oferecidos por esta são considerados caros e com qualidade aquém. Mas a não existência de alternativas em determinadas regiões – me incluo nisso – fazem dela a única opção para a assinaturas de serviços fixos, como banda larga e telefonia.

Ultimamente, a empresa comandada por Amos Genish – ex-presidente da GVT, operadora recém-adquirida pela Vivo -, vem protagonizando verdadeiras medidas desprezíveis. Foi ela que começou a simplesmente cortar a internet móvel de quem atinge o franquia estabelecida pelo plano ou pacote, ao invés de reduzir a velocidade, como era feito antes. Também é ela que está na linha de frente contra o WhatsApp, chamando-o de operadora pirata – embora este, como qualquer app, usa a rede de dados (tethering) e não propriamente o número da linha.

A bola da vez é a seguinte: desde 05/02/2016, a Vivo começou a estipular franquia para seus clientes de banda larga fixa, variando de 10 GB a 130 GB. Após atingir este limite, a velocidade será automaticamente reduzida, para novos clientes. Abaixo a lista de limitações.

  • Banda Larga Popular 200 kb/s: 10 GB
  • Banda Larga Popular 1 e 2 Mb/s: 10 GB
  • Vivo Internet 4 Mb/s: 50 GB
  • Vivo Internet 8 e 10 Mb/s: 100 GB
  • Vivo Internet 15 Mb/s: 120 GB
  • Vivo Internet 25 Mb/s: 130 GB

Post scriptum: No caso dos clientes de fibra ótica (como eu), a velocidade será simplesmente cortada, como mostra o tweet abaixo da própria Vivo, em resposta a um usuário.

Maldade pouca é bobagem.

Maldade pouca é bobagem.

Jogos famosos como GTA V (65GB), serviço de streaming como o Netflix e o YouTube que possuem suporte a vídeos em 4K (2160p) e 8K (4320p) demandam uma quantidade absurda de dados. Então, não se pode conceber tamanha falta de bom senso impor franquias tão pífias – o fato de impor franquias já é em si ruim – que resultam na redução da velocidade ou até mesmo no corte do acesso à internet até o próximo mês.

Contra mais esta maldade que torna a Vivo a operadora mais odiada do Brasil, foram produzidos dois abaixo-assinados. Um deles foi produzido pelo @lucasmzanella. Quem também está apoiando o movimento é Adriano Ponte – dono do Take Direto e apresentador do Canaltech -, com o vídeo abaixo, junto com os prints e os links dos abaixo-assinados. Ajudem assinando e divulgando para o máximo de pessoas possíveis.


Abaixo-assinado de Lucas Zanella  Link: Abaixo-assinado via Petição Pública.

Abaixo-assinado de Lucas Zanella
Link: Abaixo-assinado via Petição Pública.

Abaixo-assinado de Iago Brunherotto  Link: Abaixo-assinado via Change.org

Abaixo-assinado de Iago Brunherotto
Link: Abaixo-assinado via Change.org.

Vivo: não piore o que já está não está muito bom.

Por: Not Now Lucas

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.