[Séries] Sonic CD (Extra) #2 : Pulando errado pelo tempo | NNL Games
RPNV 2016 #10: quem foi ou não eleito?
AMQCM #54: Hardwired… To Self Destruct (2016), por Metallica | Álbuns
NNL Indica #3: dicas para acompanhar tudo sobre Chespirito e Dragon Ball Super no Brasil
Eventos massa™ #2: Brasil Game Show 2016 | NNL em eventos
O pior porre da minha vida | Casos Pessoais
Janela de dicas #25: como remover o Warsaw completamente do seu Windows | Macetes
Nos Fragmentos do HD #15: os 10 anos do AE KASINÃO
Avulsos #4: Tanglewood para Sega Genesis / Mega Drive | NNL Games
Crunchyroll: saiba como ter acesso Premium+ por 48 horas

Ajude o “Movimento Volta-Chapolin 2015” | Raridades

#572
Imagem 1 (topo) - Chapolin 1974

Você com certeza já assistiu Chaves – parafraseando um conhecido YouTuber. Uma série atemporal que há 31 anos faz a alegria de muitos telespectadores e do SBT. Embora a relação entre a emissora e os fãs não tenha sido só flores – tal qual sempre foi o relacionamento entre Professor Girafales e Dona Florinda.

A seguir, um pouco destes Tapas e Beijos entre SBT e os fãs CH.

Chaves e os Episódios Perdidos/Semelhantes/Inéditos

A história de perda de episódios começou para valer em 1992, quando o 4º Lote de episódios estreou na grade do SBT. Vários semelhantes foram simplesmente engavetados, com pretextos nada convincentes. A bomba estourou em 2003, quando Chaves foi tirado do ar pela primeira vez em 19 anos, e retomado um mês depois com 8 raridades há tempo engavetadas.

Ocorreu um grande feito em 2011: na comemoração de 30 anos, o SBT resolveu se pronunciar oficialmente sobre os tais episódios perdidos. Segundo Murilo Fraga, responsável pela programação, a emissora simplesmente escolhia as versões mais recentes (na maioria dos casos) em detrimento às mais antigas. Pouco tempo depois, 9 episódios foram desengavetados, sendo 2 inéditos.

Para 2012, mais surpresas: 59 episódios semelhantes foram ao ar, contando com inéditos e até mesmo episódios com dublagem diferente. No mesmo ano, 23 episódios foram dublados – 14 inéditos e 9 clássicos que complementam algumas das novidades. Estes viriam a cor do dia apenas em 2014, não tendo sido tão bem recebido pela audiência como foi pelos fãs.

Cena do ex-perdido "O Primo de Seu Madruga" (1975).

Cena do ex-perdido “O Primo de Seu Madruga” (1975).

Pensa que acabou por aqui? Do fim de 2014 – com o episódio inédito de Natal Na Casa da Dona Florinda -, até março/abrir deste ano, tivemos algumas novidades a mais. Mas a fome ainda não foi saciada por um motivo: Chapolin.

Chapolin e o vai-e-vem desde 2000

Chapolin aparentemente não agrada muito a alta cúpula do SBT. Desde 2000 – ano da última exibição em rede nacional -, o Vermelhinho passa por um errante vai-e-vem na programação da emissora. Sofre o mesmo mal de Chaves em relação à episódios engavetados.

A falta de divulgação da série do maior herói de Tangamandapio fez com que os retornos entre 2005 e 2008 fossem ignorados por muita gente. Para quem não sabe, cerca de 50 episódios desconhecidos de muitos estrearam/retornaram à programação. Mas o tal mal fez com que outros fossem engavetados sistematicamente.

Cena do episódio final da série "A Despedida" (1979).

Cena do episódio final da série, “A Despedida” (1979).

Ainda assim tivemos fatos relevantes ultimamente:

  • Em 2013, Chapolin ficou apenas três semanas no ar, trazendo somente episódios perdidos/semelhantes/inéditos e bons índices de audiência – não suficientes para mantê-lo no ar.
  • Em 2014, o SBT, em uma inteligente ação, exibiu episódios de Chapolin no YouTube via livestream enquanto a emissora (como todas as outras de TV Aberta) abria espaço para o tenebroso Horário Político. Destaque para exibições completas – incluindo aberturas e encerramentos.
  • Em 2015, Chapolin ficou dois meses no ar, sem nenhuma novidade. Apenas os episódios comuns foram exibidos no período.

Mas como estas conquistas foram alcançadas? Com muita pressão. Diversos “Volta-Perdidos” e “Volta-Chapolin” foram encampados pelos fãs das obras de Chespirito. Abaixo você conhecerá o mais recente movimento.

Movimento Volta-Chapolin 2015: ajude a causa

O mais novo Movimento Volta-Chapolin 2015 busca pressionar o SBT a trazer de volta e de forma regular Chapolin, tal qual todo o acervo dublado das duas séries CH pertencente à emissora. Um dos maiores motivadores do movimento é um acordo entre SBT e Televisa para a não distribuição de determinados episódios para nenhuma mídia, e isso inclui também a emissora de Silvio Santos. Além disso, estamos próximos do triste aniversário de 1 ano da morte de Chespirito (28/11).

Para apoiar o movimento e saber um pouco mais, assista o vídeo-documentário produzido por Eduardo Gouvea (Valette Negro) contando um pouco mais do Volta-Chapolin e participe pela página do Facebook Se diz fã de Chapolin.


Por: Not Now Lucas

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.