Amor platônico, 6 anos e 3 dias mais velha | Casos Pessoais

Hoje é o dia dos Namorados. Poderia ser um dia muito feliz para mim, se não fosse minha timidez e minha falta de atitude, minha omissão.

São seis anos que tento expressar este sentimento, que cada vez fica mais forte. Coincidência nascer na mesma semana, apenas três dias depois, mas que parecem três mil km longe de você.

Me dói te ver com outra pessoa. Tento odiá-lo, e me acho um monstro por pensar nisso, por ser egoísta a tal ponto. Pelo menos espero que ele a esteja fazendo feliz. Talvez seja pelo amor platônico, inalcançável cada vez mais.  Seis anos é muito tempo.

Decidi que talvez seja hora de revelar este sentimento nada simples chamado amor. Do querer bem, do querer abraçar, do querer bem, do querer amar. E sair definitivamente da sua sua vida, de acabar com esta dor que a cada dia fica maior, esta ferida que fica aberta ainda mais. Mas, que pelo menos, sejamos pessoas que não se odeiem, que tenham um bom relacionamento, e felizes. Seria a hora de eu partir para uma outra, mas não é nada fácil.

O que posso deixar para você são apenas duas músicas que me fazem lembrar de você:

Since I’ve Been Loving You – Led Zeppelin

Summer ’68 – Pink Floyd

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.