Raridades, bootlegs e RoIO's | Raridades

As raridades musicais de grandes bandas que fizeram e ainda fazem histórias são grandes registros de versões anteriores de grandes clássicos, músicas nunca lançadas, entrevistas, shows épicos, etc.

Os bootlegs são gravações não autorizadas de concertos ou de transmissões de rádio e TV. Embora haja bandas que reservem locais para que fãs possam gravar shows, tornando mais um grande registro. Eu, por exemplo, tenho diversos bootlegs, que, por muitas controvérsias, pode ser ou não considerado ilegal.

Os RoIO’s (Record of Illegitimate/Indeterminate Origin, Gravação de Origem Ilegitima/Indeterminada) tem o significado implícito em seu nome. Geralmente, as gravações não tem uma procedência, não se sabe se é uma gravação real, etc. Assim como os bootlegs, os RoIO trazem raridades que você não encontra em uma discografia oficial de uma banda ou artista e, em alguns casos, são remasterizados e lançados de forma oficial.

Creio que este tipo de raridade não pode ser considerado ilegal. São momentos únicos que muitos nem tem ideia de existência. Viva aos grandes artistas e aos grandes registros muitas vezes perdidos pelas ondas da internet.

The following two tabs change content below.

notnowlucas

São Paulo - SP
Formado em Informática e antenado no universo da tecnologia, gosto de escrever sobre tudo que me convier. Possuo um Nokia Lumia 730 e não gosto que caçoem de mim.